quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Endometriose

A endometriose afeta a vida das mulheres em vários níveis. A vida conjugal pode ser prejudicada pela infertilidade e pelas dores durante as relações sexuais. Além disso, problemas sociais e no trabalho costumam ocorrer pelas queixas constantes de cólica menstrual, dor no pé da barriga e nas costas.


O que é endometriose ?
Endometriose é uma doença que afeta mulheres em idade reproditiva e que consiste na presença de endométrio em locais fora do útero.
Endométrio é a camada interna do útero, que é renovada mensalmente pela menstruação.
Os locais mais atingidos pela Endometriose são os ovários e as trompas.



A endometriose é uma doença frequente ?
Esta  doença é  mais frequente do que as pessoas imaginam ! Estima-se que 15 % das mulheres entre 15 e 45 anos de idade possuem essa doença. Esse percentual sobe para até 70 % quando a mulher apresenta história de infertilidade ou dor pélvica.


Como a endometriose aparece ?
No momento da menstruação, parte do sangue eliminado passa pelas trompas e cai dentro da barriga. Esse sangue contém células que têm a capacidade de crescer em locais como o ovário e trompas. Quando o sistema imunológoico responsável pela defesa do organismo não consegue eliminar essas células, a doença endometriose se estabelece.


É possível prevenir endometriose ?
Para estabelecimento da endometriose é necessária a presença da menstruação. Qualquer tratamento que consiga bloquear a menstruação por tempo prolongado pode impedir ou dificultar o surgimento da doença. Existem alguns medicamentos hormonais que são normalmente usados para esse fim. Nas mulheres que já tenham o diagnóstico de endometriose é importante o conceito de prevenção secundária, ou seja, impedir ou dificultar o avanço da doença.


Como é feito o diagnóstico ?
A preseça da endometriose pode ser suspeitada pela história clínica, pelo exame ginecológico e por alguns exames, como a ultra-sonografia. A certeza, porém só pode ser dada através da biópsia feita durante a cirurgia. A cirurgia mais indicada é a videolaparoscopia, que consiste na introdução de uma microcâmera através de um pequeno corte no umbigo e na manipulação da cavidade abdominal através de instrumentos cirúrgicos delicados que são introduzidos através de pequenos orifícios no abdome.


Existe cura para endometriose ?
A endometriose não leva á morte. Porém , não se pode garantir a cura definitiva da doença mesmo com o tratamento adequado.  O tratamento é cirúrgico e complementado por medicações hormonais. Embora ainda não exista cura para a endometriose, a dor e os sintomas da doença podem ser bastantes reduzidos.


A endometriose não tem cura. Mas é possível conviver bem com ela.


Consulte seu médico, esclareça suas dúvidas e saiba que existe o  MovEndo - Instituto da Endometriose, que trabalha desenvolvendo campanhas educativas a fim de informar a populção a respeito da endometriose


Fonte MovEndo

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Dia Mundial de Luta Contra Aids

 1 de dezembro de 2010 Dia Mundial de Luta Contra Aids



O 1º. de dezembro se transformou em dia de luta contra a Aids, nesse dia, é importante reforçar a solidariedade e a compaixão com as pessoas portadoras do vírus HIV.
A Organização Mundial da Saúde passou a escolher grupos sociais atingidos pela Aids e definir estratégias para uma campanha com o objetivo de sensibilizar a opinião pública.
O vírus HIV é o causador da Aids e foi descoberto em 1979, pelo Instituto Pasteur, na França. A sigla do vírus está em inglês e significa Vírus da Imunodeficiência Humana.
O vírus da Aids atua como um parasita ao se instalar em um célula e age como um oportunista, baixando a imunidade das pessoas.











Fonte Blog Biocurioso